O papel do solo na redução do efeito estufa

O papel do solo na redução do efeito estufa

Os danos causados pelo aquecimento global estão aparecendo em diferentes setores da economia. Inclusive na agricultura, que tem sofrido com grandes perdas relacionadas às secas e aos alagamentos. Nessas condições, a adoção de medidas agrícolas mais sustentáveis, como melhorar a fertilidade do solo, preservar a biodiversidade e interligar diferentes áreas de cultivo, tem um papel importantíssimo na redução dos prejuízos relacionados à temperatura mundial.

Uma administração mais consciente do solo, por exemplo, pode diminuir a emissão de gases do efeito estufa e tornar as culturas mais resistentes. Isso acontece porque o solo funciona como um grande depósito de carbono em nosso ecossistema, e quando ele sofre algum tipo de degradação, todo esse gás é solto na atmosfera, aumentando os efeitos do aquecimento global.

Em nosso Plano de Agricultura Sustentável, The Good Growth Plan, apoiamos atividades que promovam a melhoria da qualidade e da fertilidade do solo de áreas agrícolas. Uma das formas de fazer isso, por exemplo, é utilizando herbicidas para diminuir a presença de daninhas nas plantações, em vez de arar a terra – técnica conhecida como plantio direto. Dessa forma, diminui-se o desgaste do solo e o uso do maquinário agrícola, que consome muitos combustíveis poluentes.

Já o nosso trabalho para proteger a biodiversidade de áreas rurais, como plantar árvores e resgatar nascentes, ajuda a manter o solo mais rico e resistente às severas mudanças climáticas, como seca, fortes chuvas e alagamentos.

Além dessas ações, também participamos da Climate Smart Agriculture (CSA), uma iniciativa desenvolvida pelo Conselho Empresarial Mundial para o Desenvolvimento Sustentável (WBCSD). Por meio do CSA, nós, diversas empresas do agronegócio e parceiros podem juntar forças para acelerar a adaptação da cadeia produtiva aos desafios climáticos que enfrentamos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *