Don’t touch, it’s a plant!

Don’t touch, it’s a plant!

Que as obras de arte em sua maioria não devem ser tocadas, muita gente sabe, mas o que poucos tem conhecimento é que as plantas também são muito sensíveis ao toque.

Um estudo recente da universidade australiana de La Trobe, provou que além de sensíveis, as plantas, quando tocadas muitas vezes têm seu crescimento significativamente prejudicados.

Os testes laboratoriais foram feitos apenas em plantas do gênero Arabidopsis (grupo que também pertence à família das couves e mostardas) e foi observado que mesmo se sutilmente tocadas, o estímulo desencadeia uma resposta genética expressiva.

O trabalho publicado na revista The Plant Journal, obteve resultados que podem contribuir diretamente com a criação de novos métodos que otimizem o crescimento e a produtividade no cultivo de plantas.

O motivo para tanta sensibilidade?

Nem a ciência sabe ao certo a causa de tamanha reação das plantas ao toque. Um dos possíveis motivos é que a resposta pode estar associada a algum mecanismo de defesa. Uma vez que um inseto entra em contato com uma planta, os genes observados são ativados.

Um dado bastante interessante é que meia hora após ser tocada, 10% do genoma da planta já foi alterado. Tal reação demanda um enorme gasto de energia, que poderia ter sido direcionado para seu crescimento. No caso de toques recorrentes o crescimento é reduzido em cerca de 30%. O que isso quer dizer? Não toque nas plantas!

A boa notícia!

Toda essa pesquisa acerca dos mecanismos de defesa e desenvolvimento irá contribuir para novos estudos que têm como objetivo otimizar o crescimento das plantas.

Fonte: The Plant Journal

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *