Diferenças entre os tipos de suco

Diferenças entre os tipos de suco

Suco natural, integral, concentrado, polpa de fruta, néctar, refresco e gaseificado. Existem diversas nomenclaturas diferentes para os diversos tipos de suco presentes no mercado, mas você sabe qual a diferença entre cada uma delas? Ou melhor! Sabia que existe um decreto que ajuda a classificar cada um desses tipos?

Estamos falando do Decreto nº 6.871 lançado em 2009, pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA). A partir do artigo 18, e até o artigo 35, são estabelecidas regras para a classificação de bebidas não alcoólicas. Entre elas, os sucos.

Suco, como todos sabem, são bebidas não fermentadas feitas a partir de uma fruta, ou até mesmo de um vegetal. Além de não fermentada, é uma bebida não concentrada e não diluída que pode, ou não, ter adição de açúcar.

Vamos explicar simplificadamente cada uma dessas classificações a seguir:

Suco Natural – Participam dessa categoria sucos preparados na hora e com frutas frescas. Apresentam todos os benefícios da fruta e são ótimos para a saúde.

Suco Integral – Para um suco se encaixar nesta categoria ele deve vir sem adição de açúcar e em sua concentração natural, sem adição de água, conservantes ou aditivos.

Suco Concentrado – Nessa categoria estão os sucos que foram parcialmente desidratados. São aqueles sucos de garrafa de vidro que necessitam da adição de água para serem consumidos. Contém açúcar, aromatizantes e conservantes em suas fórmulas.

Polpa de Fruta – Como o próprio nome sugere, esse produto é feito a partir da polpa da fruta congelada. Apesar de não ser concentrado, ele é, geralmente, batido junto de água ou leite, antes de ser consumido.

Néctar – O néctar costuma ser encontrado em mercados pronto para o consumo. É uma bebida adocicada, diluída em água e que precisa apresentar, pelo menos, 50% do extrato da fruta em sua composição.

Refresco – Refresco, também conhecido como suco em pó, é a bebida que foi desidratada completamente. Precisa ser diluído em água, contém conservantes, açúcar, aromatizantes, corantes e baixas quantidades de suco. É uma bebida bem pobre nutritivamente.

Gaseificado – Sim, esses são os famosos refrigerantes. No Brasil, mesmo este tipo de produto precisa de uma quantidade mínima de suco. No caso da laranja, por exemplo, é obrigatório, pelo menos, 10% da presença do suco em sua fórmula. Além disso, é uma bebida que contém açúcar, conservantes, gás carbônico, aromatizantes e corantes.

Agora, queremos saber de você! Qual destes vocês preferem?

Comentários

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

− 8 = 2