IBAMA, 27 anos em atividade

IBAMA, 27 anos em atividade

O Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis, mais conhecido como IBAMA, completa hoje 27 anos. Decidimos contar um pouquinho da história desse órgão que tem auxiliado na preservação do o meio ambiente.

Fundado em 1989, o instituto foi, basicamente, uma união de outros quatro órgãos: a Secretaria do Meio Ambiente, a Superintendência da Borracha, a Superintendência da Pesca e o Instituto Brasileiro de Desenvolvimento Florestal. Sua fundação é considerada um marco, pois reuniu diversos interesses que, juntos, ajudaram a criar novas diretrizes para a defesa ambiental, muito negligenciada durante a década de 80.

De lá pra cá, o Instituto atuou na diminuição dos índices de desmatamento e das emissões dos gases automotivos, estabeleceu políticas de proteção de espécies nativas, instituiu o Documento de Origem Florestal (DOF) – que permitiu maior controle sobre o transporte de madeira legal e, principalmente, sensibilizou em toda a população uma consciência maior sobre o meio ambiente, entre outros feitos.

Com a missão de proteger matas, florestas, rios, fauna e recursos naturais diversos, o IBAMA tem como suas principais atividades a fiscalização da utilização de recursos naturais, o controle da qualidade de ambientes, a edição de normas e padrões de qualidade, a execução de campanhas educacionais e atuações na área de licenciamento ambiental.

Além disso, é um órgão importante na produção agrícola porque, junto do MAPA (Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimeto) e da ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), ajuda na regulamentação dos defensivos agrícolas que terão os registros permitidos no país.

Comentários

Comentários

4 comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

19 − 10 =